Redes Sociais
Senador Eduardo Lopes ouve reivindicações do movimento de petroleiros em Macaé
Destaques, Noticias | | junho 20, 2018 em 14:29
A- A+

O senador Eduardo Lopes participou, na ultima segunda-feira (18), da reunião com o Movimento dos Petroleiros da Ativa, Aposentados e Pensionistas de Macaé. Dezenas de trabalhadores estiveram representados pelo movimento ‘Petros, devolva o meu salário’, na reunião realizada no Clube dos Empregados da Petrobras. O deputado federal Aureo Ribeiro e o vereador Maxwell Vaz, que presidiu o encontro, participaram do encontro. O objetivo foi ouvir as demandas sobre os prejuízos salariais que os funcionários da ativa e aposentados têm sofrido.

“Estamos buscando ajuda para que o nosso salário seja reposto, pois a Petros está subtraindo o salário de todos os trabalhadores para cobrir um rombo mal explicado de desvio de dinheiro, falta de aporte da Petrobras, que caiu tudo na conta do trabalhador, numa conta extra de 18 anos. É injusto e inaceitável”, criticou o vereador Maxwell, que disse contar com o apoio do senador Eduardo Lopes e do deputado federal Áureo Ribeiro:

“Agradecemos a presença dos senhores, esperamos que nos ajudem nessa luta da reposição do nosso salário. No Brasil inteiro 75 mil trabalhadores estão sendo vítimas do desconto abusivo”, completou o vereador, que afirmou estar sendo criado o Grupo ‘Nosso Futuro’, que terá representação nacional.

O coordenador do Movimento ‘Petros, devolva o meu salário’, Jorginho Alves, assegurou que os descontos vêm ocorrendo desde março e variam de acordo com a faixa salarial. “Muitos chegam a receber até a metade do salário. Os participantes da Petros estão na ativa ou aposentados. Entendemos que esta luta não pode ser vencida apenas no âmbito jurídico, mas também na política; se não houver esta união de esforços), não teremos êxito. Pedimos que o senador Eduardo Lopes e o deputado Aureo Ribeiro levem esta discussão adiante”.

Para o senador, a reivindicação é justa e terá o seu apoio: “Ouvimos as demandas e buscaremos atendê-los nesta justa causa. Buscaremos o apoio do Senado e da Câmara dos Deputados. Levaremos aos nossos pares estas reivindicações, pois sabemos da importância Repercurtir nas casas legislativas. Esta é uma questão muito abrangente, qualquer questão que envolva trabalhadores e salário, precisamos ter muita atenção. Eu me coloco à disposição para avançarmos nas discussões”, assegurou o senador.

A aposentada Rosemara Leite lamentou a situação crítica e em seu discurso falou das dificuldades financeiras vivenciadas por ela e por vários colegas. “Estamos vivendo uma situação vergonhosa e crítica, e pedimos ao senador e aos deputados que nos ajudem. No Brasil, todos temos colegas passando por este problema. Estamos unidos porque queremos justiça. São 40 anos de trabalho, e constatar que o que planejamos e contribuímos não corresponde com a realidade é muito triste”, desabafou, sem conter as lágrimas.

Fundação sem fins lucrativos criada pela Petrobras, em 1970, a Petros é uma iniciativa do mercado de previdência privada do país. O fundo é financiado com verba da empresa e recursos dos empregados que aderem ao benefício. A expectativa dos trabalhadores é que seja assegurado uma renda de aposentadoria complementar.

ASCOM PRB RJ.

Compartilhe
  • Tweet This!
  • Share on Facebook
  • Digg it!
  • Add to Delicious!
  • Stumble it
  • Subscribe by RSS
Posts Relacionados
Gostou deste artigo? Curta nossa Fanpage no Facebook!

Nenhum comentário Quero comentar!

No comments yet.

Leave a comment


www.eduardolopes10.com.br Copyright © 2014 - Todos os direitos reservados.