Redes Sociais
Secretário de Estado de Agricultura visita Colônia Agrícola em Magé, na Baixada Fluminense
Destaques, Noticias, Seappa | julho 27, 2019 em 12:33
A- A+

Para Eduardo Lopes, “o trabalho na unidade traz dignidade ao apenado e o conduz à ressocialização”

Eduardo Lopes, visitou, nesta terça-feira (23), a Colônia Agrícola Marco Aurélio Vergas Tavares de Matos, localizada no município de Magé, na Baixada Fluminense – Foto Demóstenes Ramos

O secretário de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento do Rio de Janeiro, Eduardo Lopes, visitou, nesta terça-feira (23), a Colônia Agrícola Marco Aurélio Vergas Tavares de Matos, localizada no município de Magé, na Baixada Fluminense. Presentes estavam o subsecretário para Tratamento Penitenciário da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (SEAP), Gilson Nogueira, o diretor da Colônia Agrícola, André Luiz Monjardim Pinto, o presidente da Fundação Santa Cabrini, Eduardo Gameleiro, a prefeita Soninha de Magé, entre outras autoridades públicas.
 
“Há muito tempo a Colônia, que faz parte da Cadeia Pública Hélio Gomes, e que hoje dá oportunidades de ressocialização por meio de trabalho a cerca de 98 apenados que cumprem pena em regime semi-aberto, não recebe um secretário de Estado. Ficamos honrados com a presença do secretário de Agricultura Eduardo Lopes. A nossa ideia foi justamente apresentar a Colônia Agrícola para ele, mostrar as atividades que os detentos desenvolvem, desde o cultivo de sementes para reflorestamento no entorno, como diversos trabalhos de manutenção, plantio de hortaliças, e muitos outras atividades agrícolas. Acreditamos que com o apoio da Seappa possamos formar uma parceria inovadora que traga benefícios para a instituição, aos apenados, junto à sociedade com uma habilidade profissional, e a suas famílias”, afirmou Monjardim.


“Fui convidado a vir à Colônia Agrícola de Magé para conhecer um programa feito pela Cedae com a Fundação Santa Cabrini e a Seappa, onde são desenvolvidos o cultivo de sementes para reflorestamento de maneira sustentável, assim como a produção de hortas pelos apenados que cumprem sua pena. Ao mesmo tempo, já deixei firmado o propósito de fazermos um memorando de intenções para que a Secretaria de Agricultura com a Santa Cabrini, a Emater-Rio e a Fiperj possam estar integradas para viabilizar a qualidade da área e a possibilidade de criarmos a piscicultura no lago existente para criação de tilápias, gerando nova atividade para os detentos”, disse o secretário Eduardo Lopes.
 
Segundo ele, o trabalho traz dignidade para as pessoas, em particular, aos que cumprem pena, como na Colônia Agrícola. “Tenho observado dados que mostram que, quando há trabalho, quando há dignidade, há a recuperação do ser humano. Ouvi testemunhos de apenados condenados que hoje se tornaram pessoas melhores. Por isso que eu, como secretário de Estado de Agricultura, pretendo firmar esta parceria para que vejamos bons resultados, transformação de vidas e ressocialização nesta unidade, como em outras no estado”, destacou.

Ascom Seappa

Compartilhe
  • Tweet This!
  • Share on Facebook
  • Digg it!
  • Add to Delicious!
  • Stumble it
  • Subscribe by RSS
Posts Relacionados
Gostou deste artigo? Curta nossa Fanpage no Facebook!

Nenhum comentário Quero comentar!

No comments yet.

Leave a comment


www.eduardolopes10.com.br Copyright © 2014 - Todos os direitos reservados.