Redes Sociais
Queremos um Brasil melhor
Artigos, Destaques | | outubro 29, 2018 em 09:24
A- A+

A vitória de Jair Bolsonaro (PSL), eleito presidente do Brasil no segundo turno, mostra que a vontade popular prevaleceu, que a democracia é soberana. A vitória foi expressiva em quase todos os estados, com 100% das seções apuradas, Bolsonaro alcançou 57.796.972 votos (55,13%), tendo Fernando Haddad (PT) obtido 47.038.792 votos (44.87%).

Desde o início da campanha, observamos que ele conseguiu se conectar com o eleitor e,  reconhecidamente, as propostas de segurança e de combate à corrupção agradaram.

Sem partido grande, sem alianças de elite, quase sem tempo de televisão, poucos recursos financeiros, ele chegou ao segundo turno e entrou no ranking dos políticos que farão parte da renovação do Brasil. Agora o trabalho é reunificar o país, trabalhar pela mudança e a retomada do crescimento.

Bolsonaro alcançou a vitória com aprovação popular, eleitores céticos, cansados de promessas da velha política não cumpridas e que,  por isso, partiram para o novo. É hora do choque de realidade. Bolsonaro, que foi considerado por muitos como mito e herói, terá que trabalhar para que o Brasil volte ao eixo do crescimento, e os problemas são muitos e sérios.

Aos 47 anos, negro, o ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, chegou à presidência como herói. Ele enfrentou muitas dificuldades e, em seu primeiro mandato, não conseguiu cumprir boa parte dos compromissos de campanha.

O novo presidente eleito terá que enfrentar assuntos pontuais, tais como, a Reforma da Previdência, que não é apenas importante, mas necessária, não podemos fugir deste assunto. O que se fala durante uma campanha é bem diferente da realidade.

O que a esquerda falou contra esta Reforma foi estratégia de campanha, mas as reformas precisam ser aprofundadas. Precisamos pensar também nas Reformas Tributária e Política, que são temas polêmicos por envolverem muitas opiniões e interesses.

É muito importante observar o que a Constituição preza, que é a divisão, mas, ao mesmo tempo, a harmonia entre os Poderes.

Agora acabou a batalha ideológica, eleitoral, temos um presidente eleito legitimamente nas urnas. Esperamos que, por meio do diálogo, responsabilidade, muito trabalho e bom senso, ele procure os pontos convergentes, não os divergentes. Ele precisará ouvir os setores, ouvir o Brasil, todos queremos um país melhor, com um governo constitucional e democrático.

Neste momento de alegria pela mudança, pelo novo, saudamos os 14 governadores eleitos. Nosso respeito. Nós, brasileiros, não estamos mais em campanha, vamos nos unir, precisamos de mudanças, e vamos lutar sempre por elas porque queremos um Brasil melhor. Sigamos juntos.

Senador Eduardo Lopes
Presidente Nacional do PRB (Exercício)

Site: http://eduardolopes10.com.br/
Facebook: https://www.facebook.com/eduardolopesprb
Twitter: https://twitter.com/EduardoLopesPRB
Instagram: https://www.instagram.com/eduardolopesprb/

Compartilhe
  • Tweet This!
  • Share on Facebook
  • Digg it!
  • Add to Delicious!
  • Stumble it
  • Subscribe by RSS
Posts Relacionados
Gostou deste artigo? Curta nossa Fanpage no Facebook!

Nenhum comentário Quero comentar!

No comments yet.

Leave a comment


www.eduardolopes10.com.br Copyright © 2014 - Todos os direitos reservados.