Redes Sociais
O velho olhar sobre política
Artigos, Destaques | | maio 15, 2018 em 15:40
A- A+

Existem ditados populares que expressam o individualismo, entre muitos, destaco: “Farinha pouca meu pirão primeiro”; “Salve-se quem puder”. Fico pensando o quão prejudicial podem ser tais pensamentos, sejam eles na família, no trabalho e, principalmente, na política. O velho modelo que privilegia poucos e o total descaso com o povo já começam a cair por terra.

Se depender do Partido Republicano Brasileiro (PRB), cada vez mais este modelo ficará para trás. Sabemos que é uma cultura, não é possível mudar pensamentos e atitudes da noite para o dia, mas passos importantes, nunca antes vistos, estão sendo dados e ainda mais poderemos avançar, depende de cada um de nós.

Entre as mudanças, observo que a crise trouxe a união. Como senador, tenho recebido prefeitos de vários partidos unidos em favor de suas regiões. E esta união tem proporcionado muitas vezes soluções, que resultam em benefícios para a população.

São questões complexas, como a crise econômica, a situação é realmente difícil. Atendo todos, busco soluções, e ainda que a resposta seja “Não será possível atendê-lo”, não deixo as pessoas sem retorno.

A união de esforços destes prefeitos se encaixa perfeitamente nos princípios da boa e nova política, a qual não cabe ações escusas, o individualismo. Não podemos olhar para os erros e ficar estagnados, mas aprender com eles e fazer uma rede do bem, na qual temos o dever de espalhar as boas-novas.

Estamos num momento importante, teremos eleições em outubro, novos representantes serão escolhidos e temos o dever cívico de falar às pessoas, muitas desiludidas, desinformadas de que a mudança é possível, mas cada um precisa fazer a sua parte.

Seja otimista, converse com as pessoas que é preciso participar deste momento de transição do país. Explique que, quando anulamos o voto, não votamos, estamos ajudando a piorar a situação. Muitos dizem: “Não votarei em NINGUÉM!”. Sugiro que reflitam, a frase correta é: “Não votarei em NINGUÉM que não presta!”.

Nossa responsabilidade é muito grande. Republicanos, vamos ouvir as pessoas, conversar. Muitos estão sem esperança na política porque confundem política com politicagem.

A boa política ocorre quando um grupo de pessoas se une para buscar o bem comum. Já a politicagem existe porque pessoas se unem almejando interesses próprios, tiram do povo os seus direitos genuínos em prol de benefícios escusos.

É fundamental que cada brasileiro saiba o valor do voto consciente. Quem achar que o problema do Brasil é apenas dos políticos está fadado ao erro. O problema é nosso, que queremos a mudança deste país. Vamos arregaçar as mangas e fazer este trabalho de muito valor, que é levar a informação.

Vamos ajudar a mudar conceitos errados. Ganhe tempo com as pessoas, nós podemos fazer isso sem vergonha. Nosso partido é uma grande família. Temos a nossa bancada atuante em Brasília. Somos ativos em todo Brasil, temos o mesmo objetivo e caminhamos para a retomada do crescimento do país. Sigamos juntos.

Senador Eduardo Lopes
Presidente Nacional do PRB (Exercício)

Site: http://eduardolopes10.com.br/
Facebook: https://www.facebook.com/eduardolopesprb
Twitter: https://twitter.com/EduardoLopesPRB
Instagram: https://www.instagram.com/eduardolopesprb/

Compartilhe
  • Tweet This!
  • Share on Facebook
  • Digg it!
  • Add to Delicious!
  • Stumble it
  • Subscribe by RSS
Posts Relacionados
Gostou deste artigo? Curta nossa Fanpage no Facebook!

Nenhum comentário Quero comentar!

No comments yet.

Leave a comment


www.eduardolopes10.com.br Copyright © 2014 - Todos os direitos reservados.